Muitas vezes questionamos o porquê nascemos, e que colaboração podemos dar a este mundo. Nos perguntamos se a vida é somente, acordar, trabalhar, comer; uma rotina constante que cega nossa compreensão, nos priva de desfrutar a beleza do “dar”.

Gosto muito de ver filmes, meu passatempo favorito, depois da leitura. Quero citar o filme “Escritores da liberdade”, história de uma educadora, Erin Gruwell, mulher que entendendo a necessidade do próximo se doou de forma total para que a história de 150 adolescentes  mudasse.  Seus alunos de marginalizados passaram a ser protagonistas de uma história de sucesso.  Seu exemplo deixou marcas na história.

Outras histórias marcantes vocês podem conferir nos filmes, “Céu de outubro”, “Homens de honra”. “Mãos talentosas”, “Quase deuses”, entre outros. São histórias que nos mostram que as dificuldades estão ai para serem vencidas, nos ensinam a olhar além, ver as possibilidades de êxito, de conquista, sem olhar as barreiras.

E lógico ninguém nunca marcou tanto a história da humanidade como o nosso SENHOR Jesus, seus feitos, como lemos em João 21:25, foram muitos –  “Há, porém, ainda muitas outras coisas que Jesus fez; e se cada uma das quais fosse escrita, cuido que nem ainda o mundo todo poderia conter os livros que se escrevessem. Amém.”

Já notaram que pessoas que marcaram a história, são aqueles que fizeram algo por alguém ou pela humanidade?  Algumas conhecidas mundialmente, outras em um estado, outras em um bairro, mas fizeram alguma coisa que mudaria o curso da história de outros.

Jesus disse que os que crêem fariam obras maiores que as dele; não é presunção, você pode… se crer naquele que veio, morreu e ressuscitou, você pode fazer grandes coisas, e deixar marcas na história.

‘Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.” ( João 14:12)

 

 

grande abraço, em Jesus você é mais que vencedor

🙂

Anúncios