E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.

Mat 24: 12-13

“….por se multiplicar a iniquidade…” Segundo o Novo Testamento Interpretado de R.N. Chaplim, a iniquidade indica o desregramento, e não a imoralidade, embora o espírito de iniquidade, isto é, o espírito rebelde, a falta de autoridade, etc., produzam um efeito imoral sobre a sociedade. A apostasia que desvia os homens das leis espirituais e internas do cristianismo, o desregramento mental, é a essência da iniquidade. O desaparecimento gradual da verdadeira religião, obrigatoriamente seguido pelo desaparecimento gradual do amor fraternal na comunidade religiosa.

“…o amor se esfriará…” ..”Esfriar” vem do verbo que significa “soprar a fim de perder o calor”, isto é, “esfriar”. A mesma palavra é usada para extinção de um incêndio. Os sopros gelados da apostasia e da iniquidade, apagam as chamas do amor, esfriam as brasas e nada deixam senão as cinzas frias.

“O amor….. de quase todos” .. este “quase” me consola, e me traz força para continuar acreditando que alguns ainda lutarão pelo evangelho e pela divulgação da salvação que há em Jesus Cristo, me faz crer que o sangue derramado não foi em vão.

Convoco aos que amam ao SENHOR em Espírito em verdade para que o numero que compõe este “quase” seja mínimo. Mantenham a chama viva ardendo em seus corações, lute pelo reino, seja um agente da paz.

“…mas aquele que perseverar até o fim este será salvo”.. muitos ensinam que para ser salvo basta aceitar Jesus como salvador, sim concordo o inicio da salvação é aceitar o sacrifício de Jesus, entender que somos pecadores e destituídos estávamos da glória de Deus (Rom 3:23). Mas neste versículo o próprio Jesus afirma “ao que perseverar até o fim”, isto é, o que se manter firme, fugindo de tudo que nos separa do Pai, rejeitando as paixões da carne, mantendo as vestes brancas, este será salvo.

Ao vencedor, que guardar até ao fim as minhas obras, eu lhe darei autoridade sobre as nações, e com cetro de ferro as regerá e as reduzirás a pedaços como se fossem objetos de barro; assim como também eu recebi de meu Pai dar-lhes-ei ainda a estrela da manhã.

Apoc 2: 26 – 28

um grande abraço

Anúncios